Cursos VIP - Aprenda Informática

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

É fim de mês!!!

fim do mês, é fim do mês, do fim do mês, já sô freguês é fim do mês, é fim do mês, é fim do Mês!

Eu já paguei a conta do meu telefone,
Eu já paguei por eu falar e já paguei por eu ouvir.
Eu já paguei a luz, o gás, o apartamento
Kitnet de um quarto que eu comprei a prestação
Pela caixa federal, au, au, au,
Eu não sou cachorro não (não, não, não)!
Eu liquidei a prestação do paletó, do meu sapato, da camisa
Que eu comprei pra domingar com o meu amor
Lá no cristo redentor, ela gostou (oh!) e mergulhou (oh!)
E o fim de mês vem outra vez!
Rauzito

sábado, 26 de fevereiro de 2011

A importância de se manter conectado

Não vivemos em uma ilha. Isso todos sabem. Essa frase, inclusive, me foi dita em sala de aula lá pelos idos de 1980. De lá pra cá, essa frase só se fortaleceu. Realmente, não vivemos em uma ilha. Aliás, é quase impossível hoje se sentir em uma ilha. Só não se comunica quem realmente não quer. Twitter, Orkut, Facebook, Blogs (como este em que escrevo agora), MySpace, Linkdin, Lastfm (esta, uma rede de música) e mais uma infinidade de outras redes sociais estão aí com uma finalidade apenas: fazer contatos. E é exatamente aí que eu quero chegar. Na área profissional, principalmente,  quem não tem contato, não sai do lugar. É importante que as pessoas saibam sim, o que você está fazendo, pensando, criando, falando, e através disso, possam se identificar mais ainda com você e também com o seu produto! Isso mesmo, com o seu produto. Algumas empresas acordaram cedo e saíram na frente e descobriram uma forma barata de se comunicar com os seus clientes, entendê-los, criar o que eles querem e: VENDER.
Redes sociais são ferramentas fortíssimas que, se bem usadas, podem servir sim, para alavancar seu negócio, como também podem causar alguns danos. Saiba usar. É sério, saiba usar.
Se você ainda não acredita na força das redes sociais, saiba que elas tiveram uma papel essencial na derrubada de Mubarak do poder no Egito.

Rodrigo Adania
Coordenador, professor e blogueiro

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

VALE A PENA LER

De um email que recebi:

Num processo de seleção da Volkswagen, os candidatos deveriam responder a seguinte pergunta: "Você tem experiência?" A redação abaixo foi desenvolvida por um dos candidatos. Ele foi aprovado e seu texto está fazendo sucesso, e ele com certeza será sempre lembrado por sua criatividade, sua poesia, e acima de tudo por sua alma.


 REDAÇÃO VENCEDORA

Já quis ser astronauta, violonista, mágico, caçador e trapezista. Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora. Já passei trote por telefone. Já tomei banho de chuva e acabei me viciando.. Já roubei beijo.
Já confundi sentimentos. Peguei atalho errado e continuo andando pelo desconhecido. Já raspei o fundo da Panela de arroz carreteiro, já me cortei fazendo a barba apressado, já chorei ouvindo música no ônibus.
Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são as mais difíceis de se esquecer.
Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas, já subi em árvore pra roubar fruta, já caí da escada de bunda. Já fiz juras eternas, já escrevi no muro da escola, já chorei sentado no chão do banheiro, já fugi de casa pra sempre, e voltei no outro instante.
Já corri pra não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só. Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado, já me joguei na piscina sem vontade de voltar, já bebi uísque até sentir dormentes os meus lábios, já olhei a Cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar.
Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial. Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar. Já apostei em correr descalço na rua, já gritei de felicidade, já roubei rosas num enorme jardim.
Já me apaixonei e achei que era para sempre, mas sempre era um "para sempre" pela metade. Já deitei na grama de madrugada e vi a Lua virar Sol, já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos, e a vida é mesmo um ir e vir sem razão.
Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardados num baú, chamado coração.
E agora um formulário me interroga, me encosta na parede e grita:
"Qual sua experiência?". Essa pergunta ecoa no meu cérebro: experiência... experiência. Será que ser "plantador de sorrisos" é uma boa experiência?
Não! Talvez eles não saibam ainda colher sonhos! Agora gostaria de indagar uma pequena coisa para quem formulou esta pergunta:

 "Experiência? Quem a tem, se a todo momento tudo se renova?"


terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Hoje tem marmelada? Tem sim senhor!

Você realmente acredita no hexa do Flamengo? Acredita? Então você também acredita em duendes (como minha amiga Suellen) e no Papai Noel. Agora, pior que isso é acreditar que o Flamengo ganhou o título de 87 por mérito! Mérito? Onde? Só se for mérito nas negociatas dos cartolas.
Jogo de futebol tem que ser ganho no gramado. Aí sim, é mérito.
Se você realmente acredita que foi por mérito, leia essa reportagem.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

"A crase não foi feita pra humilhar ninguém." (Ferreira Gullar) A crase não existe no Brasil. É uma invenção de gramáticos. Nunca ouvimos ninguém falando com crase."
Do site do Millor Fernandes.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Novo Blog

Depois que comecei a postar os videos de canções antigas, me veio a idéia; criar um blog apenas com vídeos antigos. Apenas para matar saudades.
Então tá aí: é só acessar: Videoradiola

Print do blog.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Saudosismo II

Sei lá...bateu saudade, apenas isso. Essa é para meu pai. Gigliola Cinqueti (acho que ele era meio caidaço por ela...),


video

Saudosismo

Houve um tempo, há muito tempo...nem quero fazer contas, mas faz tempo, apareceu uma menininha chamada Nikka Costa, e que me encantou com sua voz. E me encanta até hoje. Ela, quando criança, chegou a lançar dois LPs, que eu me lembre, e inclusive tenho até hoje. Uma relíquia. E não sei por que cargas d'água, resolvi procurar vídeos dela. E para minha surpresa encontrei vários. Selecionei esse. Música lindíssima e ainda acompanhada pelo maestro de Frank Sinatra, Don Costa, pai de Nikka.
Com vocês, Nikka Costa!



sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Escrever



Eu gosto de escrever. Mesmo que ninguém leia, eu gosto de escrever. Mesmo que eu não escreva bem, eu gosto de escrever. Sei lá, fica registrado e aí, não tem mais volta. Acho que é essa a magia de se escrever: Registra-se o momento, um pensamento e depois de registrado, pronto! Você não pode voltar atrás. Não deve voltar atrás. Questão de honra, sei lá.
Eu gosto de escrever... Apenas isso.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Emprego tem... Falta quem queira trabalhar!

Emprego tem... Falta quem queira trabalhar!

Trezentos currículos. Isso mesmo, 300. Esse é o número de currículos que recebi semana passada. Separa aqui, separa lá... E com muita boa vontade separei sessenta para analisar com mais critério. Destes sessenta, consegui selecionar para a entrevista doze candidatos. Apareceram três... Que por sorte (minha) cairam como uma luva para os cargos oferecidos.

Agora eu me pergunto: Emprego tem. O que está faltando? Pessoas capacitadas ou vontade de trabalhar mesmo?